Turma da Mônica Wiki
Advertisement
Turma da Mônica Wiki
Sobre o Lorde Coelhão
Lorde Coelhão
Lorde Coelhão em 'Os Vingadoidos', de Junho de 2013.png
Informações de Fundo
Filmes
As Aventuras da Turma da Mônica,
A Princesa e o Robô
Dublador(es)
Araken Saldanha
Inspiração
Darth Vader, antagonista principal da franquia Guerra nas Estrelas.
Primeira Aparição
As Aventuras da Turma da Mônica (Dezembro de 1982)
Informações do Personagem
Outros Títulos
Lorde Kamen,
Kraken
Aparência e Personalidade
Coelho azul, usa um capacete preto, luvas e capa da mesma cor. Egocêntrico, tirânico, prepotente, nefasto e perverso.
Ocupação
Conselheiro real
Afiliações
S.M.A.Q.
Moradia
Nave-Mãe,
Cenourando (anteriormente)
Amigos
Zoiudo, Coelhoides
Inimigos
Mônica (rival),
Turma da Mônica,
Robozinho e Mimi
Objetivo
Se tornar o Imperador de Cenourando; conquistar a Terra e se vingar da Turma da Mônica.
Poderes e Habilidades
Estrategista
Imagens | Aparições
"Ousou desafiar a mim, "Lorde Coelhão"? Chegou o seu fim, mísero coelhinho..."
—Lorde ameaçando o Robozinho.[origem]

O Lorde Coelhão, dono de um exército de coelhos-androides chamados de Coelhoides, era o antigo conselheiro do rei de um distante planeta, a qual tentava há muito tempo casar-se com a Princesa Mimi, para ele se tornar o novo "Imperador" e governar a todos. Após ter sido derrotado pela Turma da Mônica, que ajuda o Robozinho a frustrar os planos do terrível vilão, o Lorde Coelhão começa a adquirir um ódio pelas crianças, tendo como palco o espaço para realizar peripécias maléficas junto ao seu aliado, o espião Zoiudo, que desempenha atividades de investigação para seu mestre por todo o universo. O Lorde conta com uma espaçonave gigantesca chamada "Nave-Mãe" de onde comanda sua tropa de servos-robóticos e, atualmente, depois de tantos fracassos pela galáxia, almeja destruir o planeta terra, eliminando a Mônica e os amigos dela do seu caminho.

Características e traços

"Eu, Lorde Coelhão, grande sabe-tudo, vou dominar esse planeta insípido e atrasado! Com minhas legiões de soldados-escravos, vou invadir e controlar cada canto habitado deste sistema solar!"
—O Coelhão, em toda a sua prepotência e loucura.[1]

Lorde Coelhão em 'A Emoção da Magia' - Cebolinha V2 N64 Panini.png

O Lorde Coelhão é mesquinho por natureza, cheio de sociopatia. É visto, por cada delito criminoso que faz, com uma ganância sem limites, mais ainda quando se comporta com um tom agressivo e impaciente, decretando ordens e querendo que elas sejam feitas bem depressa. É um líder malvadão, tem uma série de subordinados que fazem, aparentemente, tudo o que ele manda, formentando a fama que o Coelhão tem em chefiar e ser um general astuto, o que talvez o tenha influenciado na sua ambição em tornar-se o regente da galáxia, acreditando que é um "ser superior", claramente equivocado. Apesar de não soar ameaçador, com sua aparência de coelhinho azul felpudo, é impiedoso e misantrópico, sem quaisquer qualidades redentoras.

É meio desequilibrado, gosta de insultar e de humilhar os outros, principalmente quem está em cargos menores do que o seu, como o Zoiudo, desdenhando dos seus ajudantes para se manter como alguém intocável e a qual os empregados devam sentir medo. Ela não se envergonha em prejudicar a vida alheia para realizar suas vontades, esbanja soberba e é obcecado por vingança, reaparecendo diversas vezes ao encontro da turminha com um plano de revanche e, evidentemente, tem delírios de poder e onipotência, fantasiando situações onde é exageradamente reverenciado e indestrutível. Como visto em uma adaptação por Sam Hart, o Coelhão tem uma mente pertubada e inventa delírios imaginários em que consegue vencer à todos sem esforço, glorificando a sua "força" e "inteligência", quando na verdade, é involuntariamente detido por seus atos, nunca conseguindo concretizá-los.[2]

História

O Coelhão em sua versão original, no filme.

Em "As Aventuras da Turma da Mônica", o grande vilão tenta transformar a Terra em uma plantação de cenouras. Após emplacar uma batalha épica com o Cebolinha, acaba perdendo e é despachado para longe com a sua nave e seus comparsas.

Logo depois, apareceu em "A Princesa e o Robô". Apresentado como o conselheiro real de Cenourando, ele trapaceou para tentar se casar com a princesa Mimi, porém foi derrotado pelo Robozinho. Suas tentativas de dominação se estenderam até hoje, sempre determinado a acabar com a Turma da Mônica (que, comumente, frustra seus planos), retornou em "2001 - Uma Odisséia no Parque", tentando assumir o poder sobre o Parque da Mônica e vencer dentucinha, novamente perdendo. Em "Novos Desafios!", onde agora se chama Lorde Kamen, apelidado de Coelhão por Mônica, está mais poderoso e passa a dirigir o destino da galáxia.

Bastidores

Por trás-das-cenas

O Lorde Coelhão estreou no longa-metragem de 1982, "As Aventuras da Turma da Mônica", participando do segmento "O Império Empacota". Retornou na sequência cinematográfica um ano depois, em "A Princesa e o Robô", ambos os filmes sendo dublado pelo ator e locutor, Araken (Araquém) Saldanha.[3]

Poderes e Habilidades

Equipamentos

  • Pistola Empacotadora: É uma pistola que, ao atirar em alguém, transforma ela em um pacote de presente. Não transforma, na verdade, simplesmente empacota ele.
  • Espada de Boxe: De início parece uma espada para estocada, porém ela possui uma abertura que solta uma mola com luva de boxe e nocauteia o inimigo.
  • Bomba-Chá: É uma xícara de chá que fica na capa do Lorde Coelhão que, enquanto a pessoa está distraída bebendo o chá, explode.
  • Kraker: É um robô gigante que botava terror em Tobor, mas foi derrotado por Mônica, Cebola, Zephyrum, Cascão, Magali e Astronauta.

Técnicas

O Lorde Coelhão é do tipo vilão "estrategista", isto porque ele não possui nenhum porte físico para combate corpo-a-corpo como outros inimigos, além de também não ter habilidades de luta. Ele possui vários coelhos-robôs em sua tropa, conhecido como Coelhoides, e eles lutam por seu chefe. Ele também possui um subordinado chamado Zoiudo, que tem muitas vantagens por ser um pequeno ser (no formato de um lagarto) e ter olhos-câmera, que tudo o que vê vai para a Nave-Mãe de Lorde Coelhão.

Constrói várias máquinas, grande parte explosivas, para derrotar seus inimigos. Em 2001 – Uma Odisséia no Parque, ele cria um monolito para sugar a energia da Turma da Mônica e aos seus robôs. Pode-se ver que ele é ótimo em disfarces, pois enganou o pai de Mimi só usando a voz, e não aparecendo também com seu rosto ou corpo. Ele é também um espadachim de alto nível, e sua espada tem o formato de uma cenoura. Sua nave-mãe pode abduzir alguém e transformá-lo em um Bidu, como fez com Mauricio de Sousa.

Aparições

Turma da Mônica (Abril)

  1. As Aventuras da Turma da Mônica (1982) (primeira aparição)
  2. A Princesa e o Robô (1983)

Turma da Mônica (Globo)

  1. Parque da Mônica Nº 102 - 2001 Uma Odisséia no Parque
  2. Parque da Mônica Nº 117 - Império Contra a Vaca
  3. Mônica Nº 239 - Que fim levou o Sansão? (mencionado)
  4. A Volta do Capitão Feio!

Turma da Mônica (Panini)

  1. Parque da Mônica Nº 2 - Super-Horácio, o Retorno
  2. Mauricio de Sousa: Biografia em Quadrinhos
  3. Mauricio Apresenta Nº 8 - Os Doze Símbolos do Natal
  4. Clássicos do Cinema Nº 9 - Planeta de Coelhinhos
  5. Clássicos do Cinema Nº 27 - Lanterninha Verde
  6. Uma Aventura Olímpica com a Turma da Mônica
  7. Clássicos do Cinema Nº 38 - Os Vingadoidos
  8. Cebolinha Nº 54 - A Volta do Doutor Spam (mencionado)

Turma da Mônica Jovem

  1. Turma da Mônica Jovem Nº 3 - Novos Desafios!
  2. Mônica Jovem Especial Nº 1 - Lembranças

Curiosidades

Ele, em Tobor.

Referências

  1. MSP Novos 50 - Lorde Coelhão e o Pulsar, Pág. 149 (quadrinho 2 e 3)
  2. MSP Novos 50 - Lorde Coelhão e o Pulsar, Pág. 150 e 151
  3. Araken Saldanha no IMDb
Advertisement