FANDOM


Ajuda
Clubinho dos Meninos
Clubinho dos Meninos
Informações de Fundo
Programas de Televisão
Turma da Mônica,
Mônica Toy,
Biduzidos
Primeira Aparição
Mônica Nº 1 (Ed. Abril) - Mônica é Daltônica? (Maio de 1970)
Informações do Lugar
Localização
Campinho, entre a floresta e a Rua de Baixo
Tipo
Grupo privado
Dono(a) e Criado por
Zé Luís (anteriormente),
Cebolinha
Visitantes
Cascão, Franjinha, Titi, Jeremias, Xaveco, Manezinho, Humberto, Do Contra, Dudu, Nimbus, Zé Luís e Bloguinho
Afiliações
Bairro do Limoeiro

O Clubinho dos Meninos é um grupo que tem como sede uma pequena casinha feita de madeira no meio do Campinho, localizada bem próxima a floresta da cidade.

Nela, os garotos do Bairro do Limoeiro se reúnem para aprontar e fazer planos infalíveis contra a Mônica, com o objetivo de adquirirem o posto de "Dono da Rua". O presidente e fundador do Clubinho é o Cebolinha, como não podia deixar de ser.

Descrição Editar

Clubinho dos Meninos em Cascão 437 da Editora Globo (002)

Uma antiga casinha de madeira, pintada da cor verde, tem uma única porta e só uma janela. Às vezes com um telhado vermelho, de vez em quando vista com telhas marrons, por dentro é repleta de desenhos caricatos zombando da dentucinha de vermelho em uma parede pintada à mão por tinta amarela.

Dentro do lugar existe uma lousa com rabiscos de alguns planos infalíveis esboçados, atrás de um balcão de comício com folhas no altar, que o Cebolinha usa para fazer seus discursos; há bancos espalhados pela casinha, em que os meninos usam para sentar e ouvir as novas ideias do presidente. A localização exata do Clubinho é alvo de algumas discordâncias, sabe-se que é no Campinho, onde os meninos costumam jogar futebol, mas não há uma certeza se é abaixo da Rua do Limão,[1] ou acima da Rua de Baixo (trocadilho?).

Antecedentes do lugar Editar

Era antigamente um lar abandonado, alvo de diversas lendas por estar próximo à floresta, como a da "Bruxa de Blu", popularizada quando as crianças assistiram um filme de terror, na qual reza que uma bruxa assustadora leva crianças até uma cabana no matagal, o próprio "Clubinho", sumindo com elas.[2] Ou a conhecidíssima lenda dos "Meninos de 7", em que Cascão conta a história dos meninos que, ao fazerem sete anos, desaparecem no mato da Coruja Braba, próximo ao Clubinho, e foram transformados por zumbis errantes... inventada pela turminha para assustar o Cebolinha.[3]

Membros Editar

Meninos no Clubinho em 'A terrível lagartixa do clubinho', retirada do gibi número 170 da Mônica (Globo)

Alguns dos meninos: Cebola, Cascão, Jeremias, Franja e Xaveco.

Quase todos os meninos do bairro fazem parte do clubinho. Só não estão incluídos o Luca, o Quinzinho, o Do Contra e o Dudu (este último já tentou várias vezes participar do grupo, mas é sempre barrado pelos outros meninos por ser novo demais e muitas vezes dedurar os planos pra Mônica). O Do Contra já foi integrante assíduo do clubinho por algum tempo, mas depois saiu por sua falta de interesse e voltou a participar ocasionalmente.

a. ^ O Zé Luís foi o fundador originalmente, mas esse detalhe foi esquecido com o tempo.
b. ^ Foi o presidente do clubinho por um breve período de tempo.

Estatuto do Clubinho Editar

Estatuto do Clubinho em 'Mudanças no clubinho'

Cebola mostra o estatuto.

Quando, porventura, a Mônica acaba assumindo a presidência do clube, entre um desafio dos meninos para ver se a liderança é fácil de ser comandada mesmo, a garotinha aproveita pra colocar vasinhos de flores e samambaias (no afloro da feminilidade), indo contra a todo o quesito rústico do Clubinho... irritando o ex-presidente, Cebolinha. Ela aproveita e libera para que a noite das garotas sejam feitas no lugar, com chá de bonecas e reuniões de tapuaérs.[4]

Na flor dos nervos por conta da atual autoridade do clube, Cebola resolve mostrar algo mais soberano do que a presidente e qualquer outra pessoa que deseja ocupar o cargo – o "Estatuto do Clubinho" – que, ao ler, Mônica desanima depois de ver que os meninos põem em prática a "lei suprema", na qual todos que entram devem obedecer a seguinte, e única, regra que a fez desistir da posição de líder:

"Derrotar a dentuça gorducha da Mônica e livrar o Limoeiro da tirania cruel da baixinha!" [4]

Organização do Clubinho Editar

Lugares mencionados/mostrados Editar

Troféus do Clubinho em 'Vira-Casacas'
  • Prateleira de troféus: Lá, é mostrado todos os prêmios recebidos pelos meninos da Rua do Limão, seja em competições de corrida de lesmas, disputa de cuspe a distância, até o campeonato de bolinhas de gude do bairro.[5] Existe ali, ainda, o grandíssimo "troféu número 1", comprado pelo Cebolinha com a mensalidade dos meninos do clube para incentivar o espírito esportivo na criação de planos para derrotar a Mônica, o ganhador seria prestigiado com o prêmio.[6] Nesse mesmo local, existe os poucos, mas merecidos, troféus recebidos pelo Limoeiro Futebol Clube.
Saída de emergência antimônica do Clubinho
  • Saída de emergência antimônica: Caso a Mônica apareça por surpresa no Clubinho para dar umas boas coelhadas nos meninos, eles têm a opção de usar uma escotilha especial no meio da casinha pra casos extremamente emergenciais... aberta, o alçapão dá de encontro a um túnel, que conecta as casas de todos garotos do Bairro do Limoeiro: uma saída no quarto do Nimbus e do Do Contra,[7] outra debaixo da cama do Jeremias, uma na garagem do Manezinho, uma atrás do Campinho (em frente a Tenda da Madame Creuzodete),[8] e outro que dá de encontro ao banheiro do sujinho do Cascão.[9]

CuriosidadesEditar

Clubinho dos Meninos em Cascão 437

Cascão reclama da senha para o Cebolinha...

  • É revelado em uma história que para barrar as meninas, os meninos tinham uma lista enorme de senhas (veja a imagem ao lado direito).[10]
    • Nessa mesma história, após as meninas descobrirem a senha, o clubinho é mudado para ser uma casa na árvore! A ideia, no entanto, é mudada logo depois...
  • No início era apenas um Clubinho em que todos podiam participar. Mas as meninas do Bairro queriam decorar a casa com enfeites frufrus e usavam o clubinho pra brincar de boneca, por conseguinte, os meninos as expulsaram e fundaram o Clubinho dos Meninos como mostrado em uma história.
  • Na história "Mônica é Daltônica?" (da primeira edição da revistinha da Mônica, pela Abril), o Clubinho ficava atrás de uma fábrica abandonada.
  • Aos olhos de Vitor e Lu Cafaggi, em "Lembranças", de 2017, reimaginaram o Clubinho como uma casa da árvore no quintal do Cebolinha, construído pelo seu pai.

Notas de rodapé Ajuda

  1. Cebolinha Nº 82 (Editora Globo) - O exterminador de coelhinho sem futuro, Pág. 4 (quadrinho 1)
  2. Mônica Nº 179 (Editora Globo) - A Bruxa de Blu, Pág. 7 (quadrinho todos)
  3. Cebolinha 2ª Série - Nº 6 - A Lenda dos Meninos de 7, Pág. 7 (quadrinho 2 ao 3)
  4. 4,0 4,1 Turma da Mônica Nº 9 (Editora Panini) - Mudanças no Clubinho
  5. Cebolinha 2ª Série - Nº 15 - Os Vira-Casacas
  6. Cebolinha Nº 171 (Editora Globo) - Ao Vencedor, o Troféu!
  7. Mônica 1ª Série - Nº 47 - O Urubu da Confusão, Pág. 19 (quadrinho 1)
  8. Mônica 1ª Série - Nº 47 - O Urubu da Confusão, Pág. 19 e 20 (quadrinho 2, 7 e 8)
  9. Mônica 1ª Série - Nº 47 - O Urubu da Confusão, Pág. 22 (quadrinho 1 e 2)
  10. Cascão Nº 437 (Editora Globo) - A senha secreta (mas não muito)
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.