FANDOM


Clássicos do Cinema - Comandante Gancho

Comandante Gancho é a edição da série "Clássicos do Cinema".

Comandante GanchoEditar

Ver artigo principal: Comandante Gancho

Gibi PirataEditar

Bugu invade a história de Bidu e o amarra, jogando-o na prancha e fazendo-o cair em terra firme. Ele jogou uma bóia, mas tinha uma bigorna segurando-a. Bugu estava vendo os dois sendo atacados e mandou Bidu segurar o canhão enquanto ele acendia o pavio. A cauda de Bidu acabou queimando e ele se disparou ao ar, em seguida pedindo água. Bugu trouxe guaraná achando que ele preferia mas ainda estava insistindo um balde d'água. Bidu então resolveu dar a Bugu um papel na história. Imediato, lavar o convés e descascar as batatas.

Personagens (em ordem)Editar

  1. Bugu
  2. Bidu

A caveira dentuçaEditar

Cebolinha descobre, no porão de Mônica, um retrato de seu tio-avô Ricardo, conhecido também como "Cacareco Barba Brava, o Terrível". Dizem que ele morreu no começo do século XX misteriosamente, depois de levar uma vida de aventuras. Porém, Cebolinha afirmou que ele também era dentuço igual a sobrinha-neta. Assim, ela seria dentuça a vida inteira por ser um mal de família.

Ele então fez uma aposta com Mônica, que se conseguisse provar que seu tio-avô Cacareco era dentuço ela ia parar de bater nele e vai concordar quando chamassem-a de dentuça. Ao sair de lá, Cebolinha foi procurar Cascão para o plano infalível que tinha em mente. No dia seguinte ele se deparou com Mônica e a perguntou sobre seu tio Cacareco dentuço. Começou uma ventania e um mapa foi em sua cara. Cascão parou a ventania (que estava sendo soprada por um ventilador) e os dois foram prum barco supostamente construído por Cacareco e amarrado por Cascão, em rumo à Ilha da Pulga. Porém, enquanto o sujinho saía dali alegre por não ter entrado na água, alguém brincando de xerife foi com uma pistola d'água e começou a atirar. Portanto, não havia outra saída a não ser pular no barco junto.

Mônica à partir do momento que avistou terra firme foi remando rapidamente pra lá e alcançou o destino. Cascão começou a cavar e achou uma caixa de sabão possivelmente com o tesouro. Mas só o que eles encontraram lá foram brinquedos velhos e um diário, escrito sobre a possível chegada do tio-avô de Mônica Ricardo Cacareco para enterrar seus brinquedos velhos e morrer sozinho por ser muito dentuço e ninguém o levar a sério. Enquanto Mônica lia o diário para ver se era verdade, ela tropeçou num crânio dentuço (revelado ser feito de gesso) e começou a chorar. Então, foi zoada por Cebolinha e Cascão e aproveitou para conferir o "tesouro" de Cacareco.

Um pião velho, uma bola furada, um pé de patim, um caminhãozinho quebrado e uma coleção de tampinhas velhas. Quando Cascão viu a coleção de tampinhas, seu orgulho falou mais alto e ele acabou dando uma bronca em Cebolinha por enterrar sua tão valiosa coleção. Mas isso acabou entregando tudo e eles foram remando de volta pro Bairro do Limoeiro, após uma coelhada. Um garoto de boné azul, roupa e tênis vermelhos e uma calça verde-marinho viu que eles foram embora e avisou ao vovô Cacareco que as crianças foram embora. Porém, era estranho já que uma das pessoas que ali estavam parecia o velho senhor e tinha até a marca registrada da família: os dentões.

Personagens (em ordem)Editar

  1. Cebolinha
  2. Mônica
  3. Tio-Avô Ricardo
  4. Cascão
  5. Neto de Ricardo
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.